Manteiga de Cupuaçu Natural da Expresso Mata Atlântica

Manteiga de Cupuaçu Natural da Expresso Mata Atlântica
Passe o mouse e veja detalhes

Marca: EXPRESSO MATA ATLÂNTICAModelo:LINHA VEGANDisponibilidade: Imediata Referência: MCUPUA

Avaliar
DestaqueNovidade

Por:
R$ 36,90

ou 5x de R$ 7,38 Sem juros
 

Calcule o seu frete

Simulador de Frete
- Calcular frete

 

ANVISA: 3529906012060000016
 INPI: 919152767

A manteiga de Cupuaçu é de origem Amazônica, extraída dos frutos do Cupuaçu pelo processo de prensagem a frio. 100% natural. Pode ser usada na pele, unhas, cabelos, nos lábios e para potencializar cremes e cosméticos em geral.

É composta por ácidos graxos como oleico, esteárico, palmítico, fitoesterois e polifenois.

Na pele é emoliente, recuperando a umidade e elasticidade naturalmente. Hidrata e atua como antioxidante, combatendo os radicais livres e atuando como agente anti-idade. Ótima para prevenção de estrias. Benéfica para mãos, principalmente cutículas,  e nos pés, para rachaduras ajudando na reestruturação da pele. Pode ser usada pura ou acrescentada em qualquer creme, para potencializar os benefícios do creme.

Indicada para peles normais e secas.

Nos cabelos, devido seu alto poder de absorção, hidrata e nutre os fios quebradiços ou ressecados, promovendo redução do volume dos fios, maciez, brilho e selagem das cutículas. Deve ser usada só do meio dos fios para as pontas. Pode também misturar em máscaras capilares para potencializar resultados.

Indicada para cabelos normais e secos.

O produto é apresentado em vidro com rolha, que poderá ser reutilizado. Uma colher de bambu, feita por Índio Tupi Guarani da Mata Atlântica.

O peso e de 100g. 

Venha fazer parte do Mundo Ecológico.

Amarre na Naturalidade e seja extremamente feliz.

 

 

 


 



 

1 POTE DE MANTEIGA DE CUPUAÇÚ DE 100G DA EXPRESSO MATA ATLÂNTICA

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.
    7 dias após o recebimento do produto

    E aí, gostou?